domingo, 27 de setembro de 2015

Pintura da casa de minha mãe!


Olá minha gente!! 
Hoje minha postagem, tem sabor diferente, 
É uma felicidade, uma satisfação, sem fim! 
A casa de minha mãe, não via uma pintura por fora, há mais de 30 anos, e pintura por dentro, uns 19 anos.
Minha mãe, ganha salário mínimo de pensão, eu não trabalho fora, e minha irmã é professora.
Sempre a ajudamos, em consertos, aqui e acolá, mas pintura por fora e por dentro, nunca tivemos condições de pagar pra alguém, pois também, temos nossas vidas, nossos filhos e nossas despesas, né? 
A casa dela, era tipo ovelha negra da rua, tadinha.....
Eu sempre tive vontade de pegar eu mesma pra pintar, mas sozinha não ia ter como, e eu não tinha coragem de pedir pra minha irmã, porque afinal de contas ela trabalha fora! 
Mas esse ano, minha irmã, sugeriu de pintarmos, de encarar a labuta, e eu topei.
No começo foi complicado, porque eu estava saindo de uma gripe, e minha cachorra doente, que veio morrer nessa época. 
Mas depois do ocorrido, eu ganhei forças, e daí tudo fluiu que foi uma beleza.
O trabalho por fora, foi de duas semanas, fmoi trabalho árduo, sem hora de descanso depois do almoço.
LllMas valeu cada minuto dedicado a ela.
Depois minha irmã voltou a trabalhar, e o serviço de dentro foi só aos sábados.
Às vezes, eu ia na semana, mas depois parei, porque ir para academia, cuidar da minha casa, e ir pra lá, estava ficando cansativo.
Nem tem uma pessoa que passa na rua, que conhecia a casa dela, deixa de comentar, de elogiar.
Realmente ficou show de bola! 
Fomos valentes, sem mimimi...
Porque garanto que fácil não foi mesmo! 
Mas valeu muito e eu faria tudo de novo.
Num inverno rigoroso é claro, porque encarar o sol do inverno esse ano, não foi brinquedo não! Kkkk
A casa dela pega sol o dia inteirinho!  Ui! 

Corpo frágil, não sustenta espírito forte! 



Pela foto acima, dá pra ter uma noção de como estava o resto...